Ir para conteúdo do site

Ir para conteúdo

Prefeitura Municipal de Cachoeira do Sul - RS
Acompanhe-nos:
Facebook
Notícias
Principal   Notícias
 

18/04/2018
Prefeitura vai buscar na Justiça a gratuidade da balsa

A Prefeitura de Cachoeira do Sul ingressará com uma ação judicial para buscar a gratuidade da balsa que deverá fazer a travessia de veículos durante os três meses que a Ponte do Fandango estará fechada para reforma. Em encontro na tarde desta terça-feira (17) no Gabinete do Prefeito, o superintendente do Dnit, Delmar Pellegrini Filho e o o engenheiro João Carlo Tonetto, reafirmaram que o departamento não tem como custear as despesas com a balsa e nem mesmo orçamento para isso. “Podemos adequar os acessos através do recurso que temos para manutenção de rodovia. No entanto, não temos sequer condições legais para arcar com estes custos de balsa”, frisou Pellegrini.

Cerca de 40 pessoas entre empresários, vereadores, imprensa e representantes da comunidade participaram do encontro. A promotora Débora Becker também participou da reunião e explicou sua preocupação com relação aos veículos ligados a segurança pública, ambulâncias, veículos de transporte escolar, Cras e Conselho Tutelar que precisarão passar pela balsa. Ela ressaltou ainda que foi feito um levantamento que demostrou que após a Ponte do Fandango há pelo menos 25 localidades somando aproximadamente 8.500 moradores. “Sabemos que a reforma da Ponte do Fandango é desejada e aguardada. Mas há diversos pontos que precisam ser pensados neste momento”, enfatizou Débora. Representando a comunidade, Lidiane Brasil, moradora da BR 290, contou que passa seis vezes por dia pela Ponte do Fandango para trazer os filhos para a escola e pagar a balsa gerará um enorme custo no orçamento da família. “Se nós soubéssemos disso há um ano poderíamos nos programar. Mas agora, faltando um mês, isso se torna muito difícil”, lamentou ela.

BALSA – Um dos interessados em colocar balsa para a travessia pelo Rio Jacuí é o empresário Edi Simon, que já é proprietário da balsa que faz a travessia na localidade de São Lourenço. Segundo ele, a documentação já está tramitando na Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), que é quem dá a liberação de funcionamento da balsa. Já as vistorias no que diz respeito a segurança são feitas pela Marinha. Ele afirma que poderá disponibilizar uma balsa com capacidade para 20 carros ou 90 toneladas e os valores devem ficar em torno de R$ 15,00 e R$ 17,00, mas isso também será regulado pela Antaq.

Importante

A promotora Débora afirmou que também reunirá informações para remeter ao Ministério Público Federal para que seja avaliado a possibilidade de também ingressar com uma ação solicitando a gratuidade da balsa a comunidade.

Deputado José Otávio com o Ministro de Transportes

Júlio Lopes, assessor do deputado federal José Otávio Germano, participou da reunião e afirmou que o parlamentar tem agenda marcada para o próximo dia 25 com o ministro dos Transportes, Valter Casimiro e debaterá sobre a obra na Ponte do Fandango e necessidade de travessia por balsa durante o fechamento completo entre os meses de junho e agosto.

 
 
 
 
Prefeitura Municipal de Cachoeira do Sul
ENDEREÇO
Rua XV de novembro, 364 - Centro
CEP: 96508-750
TELEFONE
(51) 3724-6121
ATENDIMENTO
08:00 às 11:30 - 13:30 às 17:00
Seta
Copyright Instar - 2006-2019. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia